Indicado para

Indicado paraEnergia, Massa Magra, Testosterona

Advertências

AdvertênciasAdvertências



1. Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
2. *Imagens meramente ilustrativas.*
3. É necessário dieta e exercícios físicos para auxiliar a redução de peso.
4. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto.
5. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
6. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
7. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
8. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
9. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.
10. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
11. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica.
12. O uso do medicamento durante o período de amamentação também não é recomendado.
13. Sugerimos que consulte seu médico para mais esclarecimentos.
14. Diabéticos, pessoas com problema cardíaco, dores de cabeça, problemas de tiróides, pressão alta, depressão, próstata aumentada, glaucoma ou com condições psiquiátricas devem consultar o médico antes de tomar esse produto.
15. "SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO"

Prescrição escrita de medicamento controlados, contendo orientação de uso para o paciente, efetuada por profissional legalmente habilitado, quer seja de formulação magistral ou de produto industrializado só é liberada mediante retenção de receita. Conforme Portaria n.º 344, de 12 de maio de 1998.

O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário à informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto" RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.

A manipulação de medicamentos controlados só poderá ser dispensada mediante a retenção da receita original e substâncias alopáticas mediante a sua apresentação prescrita por profissional legalmente habilitado, conforme portaria 344/98 e RDC 67/07
Atendimento
  • Vendas / Atendimento
    Televendas: (11) 3383-9400
  • SAC: (11) 98848-1737
Buscar no site
  • (11) 98927-3061 - Debora/Receita
  • (11) 99494-4771 - Maicon
  • (11) 99390-6742 - Roseli
  • (11) 98848-1737 - SAC
Solicitar Ligação

Phytotesto 300mg - 60 Cápsulas

Código:
2651
Opinião dos Consumidores:0
-
1
+

Phytotesto 300mg



Phytotesto (Feno Grego)

Originária da Índia e Paquistão é também conhecida por alfarva ou alforva. O seu nome deriva do fato de ter sido muito utilizada na Grécia, quando introduzida na zona mediterrânica.

Sementes de feno-grego contêm saponinas na forma de fenosides ou furostanol. Furostanol possui potencial anabólico, visto que auxilia na produção do hormônio luteini-zante dehidroepiandrosterona (dhea), aumentando assim os níveis de testosterona. Utili-zado também no tratamento de disfunção sexual. Ambos efeitos são devidos ao seu au-mento nos níveis de testosterona.

A presença de substâncias esteróides em sementes de feno-grego foi relatada pela primei-ra vez em 1919 por Wunschendorff, investigadora francesa que estava trabalhando na Ar-gélia. Esta descoberta foi confirmada em vários estudos que detectaram a presença de diosgenina, gitogenina e traços de tigogenina, após a hidrólise do material da planta.

Indicaçoes

- Estimula e melhora o desempenho sexual;
- Aumento da massa muscular;
- Aumento da resistência física;
- Melhora resistência insulínica;
- Auxiliar no Tratamento do Colesterol Alto

Referências

1. Vademecum fitos e revista Isto É, junho de 2001 pág. 103.
2. Santha Kiumari et al. IND. Jour. Med. Res. July 1967;55;73.Anand et al., Indian J. Pharmacol., 1989; 21:74.
3. The Whealth of Asia.
4. Fitoterapia – VadeMecum de Prescripción – Plantas medicinales – 3º ed. 1999.
5. BATISTUZZO, J.A.O., ITAYA, M., ETO, Y. Formulário Medico Farmacêutico. 3ed, São Paulo: Pharmabooks, 2006.
6. ALONSO, J.R., Tratado de Fitomedicina.Isis Ediciones. 1998.
POLUNIN, M.; ROBBINS, C., A Farmácia Natural. Editora Civilização. 1992.
PR VADEMECUM DE PRECRIPCIÓN DE PLANTAS MEDICINALES (CD-ROM). 3º edição. 1998.
READER’S DIGEST Segredos e Virtudes das Plantas Medicinais. 1º edição. 1983
SIMÕES, C. M. O. Farmacognosia da Planta ao Medicamento. 1999.
SOARES, A. D. Dicionário de Medicamentos Homeopáticos. Santos Livraria Editora. 2000.
- FERREIRA, A. O., Guia Prático de Farmácia Magistral. 3ª Ed, São Paulo: Pharmabooks – vol 1, 2008.
6. Sharma, R.D. (1986) Effect of fenugreek seeds and leaves on blood glucose and serum insulin responses in hu-man subjects. Nutrition Research, 6:1353-1364.
7. Rao, A.V. et al (1995). Saponins as anticarcinogens. Journal of Nutrition. 125: 717S-724S.
8. The Merck Index. Twelfth Edition. P.8510.
9. Saponins used in Food and Agriculture. Advances in Experimental Medicine & Biology, 405. (1996).
10. Sauvaire, Y. et al. (1996) Steroid saponins from fenugreek and some of their biological properties. Advances in Experimental Medicine & Biology, 405:37.

Venda sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a Resolução 585/2013 do Conselho de Farmácia.

Phytotesto 300mg

Sobre o produto

Quem viu, viu Também